Minha amada tão longe
Language: Portuguese (Português) 
Minha amada tão longe, com franqueza:
Eu penso sempre em me mudar daqui.
Por na sacola o pão que está na mesa
Sair vagabundeando por aí.

A luz do quarto ficará acesa
(foi neste quarto que me conheci...)
Deixarei um bilhete sobre a mesa,
Dizendo à minha mãe, porque parti.

Ah! Ir cantando pelo mundo afora
Como um boêmio amigo das cantigas
Alma febril que a música alivia.

Se perguntarem, digam: "Ainda agora
Saiu buscando terras mais amigas,
Mas é possível que ele volte um dia..."

Authorship

Musical settings (art songs, Lieder, mélodies, (etc.), choral pieces, and other vocal works set to this text), listed by composer (not necessarily exhaustive)


Researcher for this text: Emily Ezust [Administrator]

This text was added to the website: 2010-07-08
Line count: 14
Word count: 86